ABIMDE

News - Learn all about ABIMDE here

ABIMDE faz o lançamento da Mostra BID Brasil 2024 em reunião plenária de novembro

O encontro teve a participação de dezenas de empresas, de forma virtual e presencial
By ABIMDE. Updated on 11/29/2023 - Published in 11/29/2023
See also
#SomosABIMDE: Conheça a EMGEPRON By ABIMDE Updated on 11/29/2023 - Published in 11/29/2023
NOTA À IMPRENSA By ABIMDE Updated on 11/29/2023 - Published in 11/29/2023
Cerimônia formaliza posse de Ricardo Cappelli na presidência da ABDI By ABIMDE Updated on 11/29/2023 - Published in 11/29/2023
See more

Na última quarta-feira, dia 22, a Associação Brasileira das Indústrias de Materiais de Defesa e Segurança (ABIMDE), realizou mais uma reunião plenária, em sua sede, em São Paulo. O encontro contou com a participação de dezenas de empresas, de forma virtual e presencial. O destaque foi a participação on-line do recém-eleito presidente do Conselho da Indústria de Defesa e de Segurança (Condefesa), da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Engenheiro Mario Cezar de Aguiar. 

Durante o encontro, também foram destacadas as atualizações da ABIMDE e foi realizado o lançamento oficial da 8ª Mostra BID Brasil, que será realizada de 03 a 05 de dezembro de 2024, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília (DF), em Brasília (confira os detalhes).

Estiveram presentes representantes de Comitês da Indústria de Defesa (Comdefesa) regionais, do Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA), da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq), do Escritório de Ligação Sudeste do Sistema Defesa, Indústria e Academia de Inovação (SisDIA), e o secretário de Produtos de Defesa (SEPROD), Major-Brigadeiro do Ar Rui Chagas Mesquita.

Inicialmente, o presidente da ABIMDE, Dr. Roberto Gallo, participou de forma remota, por estar em missão no exterior. Além de saudar os presentes e, em particular, o Brigadeiro Mesquista, ele fez questão de dar as boas-vindas e parabenizar o presidente do Condefesa da (CNI), Mario Cezar de Aguiar, a quem desejou excelente tempo de trabalho e de parcerias em prol da indústria da Base Industrial de Defesa e Segurança (BIDS).

Condefesa CNI

 

Grupo de pessoas em frente a tela de um computador

Descrição gerada automaticamente com confiança baixa

 

Na sequência, Mario Aguiar foi convidado a fazer uso da palavra. No primeiro momento, ele fez uma apresentação de sua vida profissional, ele é engenheiro civil e empresário dos setores da construção civil e de produção de plástico. Preside a Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC), os conselhos regionais do SESI e do SENAI, a Câmara de Assuntos de Transporte e Logística da FIESC e o Conselho Estratégico para Infraestrutura de Transporte e Logística Catarinense. É vice-presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI) e membro dos Conselhos Nacionais do SESI, do SENAI e do Sebrae/SC. 

O presidente do Condefesa da CNI, falou sobre o seu plano de trabalho que contempla a função e a visão da CNI com relação ao Conselho da Indústria de Defesa e de Segurança: propor políticas e programas de incentivos à base industrial brasileira de defesa, a partir da interação da indústria com academia e governo;  monitorar políticas que tratem os temas de interesse da indústria de defesa, na elaboração de estudos da indústria brasileira de defesa no que se refere a investimento, inovação e desenvolvimento de competências e acordos de compensação industrial; e na contribuição contínua do aprimoramento defendido na implementação da Estratégia Nacional de Defesa. 

O engenheiro Mario Cezar de Aguiar explicou que tem contribuições, além do programa previsto, para propor ao presidente da CNI, o empresário Ricardo Alban. “Tenho feito reuniões com o Comdefesa de Santa Catarina no sentido de ajudar a construir esta proposição, que após aprovada, será apresentada aos demais comitês regionais”, explicou. 

Ele disse ainda que sua intenção é ter uma atuação conjunta e que traga, efetivamente, uma ligação maior da indústria brasileira com as Forças Armadas. “Acredito que há uma potencialidade enorme em termos comerciais, em termos de inovação, de desenvolvimento de produtos. Pretendo manter uma relação muito próxima dos parceiros e eficaz com as Forças Armadas”.

Secretaria de Produtos de Defesa – SEPROD

 

Pessoas em frente a televisão

Descrição gerada automaticamente com confiança média

 

O secretário de Produtos de Defesa (SEPROD), Major-Brigadeiro Mesquita, também deu as boas-vindas ao presidente do Conselho da Indústria de Defesa e de Segurança, da CNI. “Fiquei muito atento às suas palavras com relação a Base Industrial de Defesa e as formas de fomentá-la. É extremamente importante tratarmos do assunto financiamentos e garantias às exportações, é o nosso gargalo”, incentivou.

O Brigadeiro Mesquita fez um convite ao engenheiro Mario Aguiar para uma reunião em Brasília, para compartilhar as intenções do SEPROD para a Base Industrial de Defesa, e falar sobre a importância que o Ministério da Defesa atribui à esta base. “O princípio maior que defendemos aqui é que a BIDS existe para fomentar, através dos programas de defesa, de bens, serviços e sistemas, o emprego e preparo das nossas Forças Armadas, este é o nosso princípio maior e depois vem os objetivos subjacentes”. 

Ele falou ainda sobre a parceria que a SEPROD tem com a ABIMDE para incentivar e aumentar a participação das entidades financeiras privadas no fornecimento ou no apoio à indústria de defesa. A proposta é que as empresas se enquadrem nestes novos conceitos, de responsabilidade social e meio ambiente, para que se enquadrem no financiamento da produção dos produtos de defesa. 

“Mais uma vez quero dar as boas-vindas ao engenheiro Mario Aguiar para juntar nesta sinergia junto com o Condefesa, que é um instrumento fantástico, tenho tido muito apoio da CNI, além da relação muito forte com a ABIMDE, Abimaq e outras associações para o fortalecimento da nossa indústria”.

O ex-SEPROD, General de Divisão Duizit Brito, também parabenizou o presidente da FIESC, Mario Aguiar, e lembrou do desafio que ele passou dois anos atrás durante a pandemia, onde apesar da situação crítica, muitas empresas buscaram a inovação. Na ocasião, havia apenas cinco fábricas no país que desenvolviam ventiladores pulmonares. Com a doença, passaram a existir 16 fábricas, das quais três delas só no estado de Santa Catarina. 

Associação Brasileira das Indústrias de Materiais de Defesa e Segurança 

Observatório da Indústria

Sob este aspecto da inovação, o presidente-executivo da ABIMDE, general Aderico Mattioli, lembrou sobre o Observatório da Indústria, que está sendo trabalhado junto à Confederação Nacional da Indústria (CNI) e que nasceu em Santa Catarina.  “É uma inteligência que nós não podemos abrir mão, é fundamental para que possamos explorar melhor as nossas capacidades, o nosso mercado e poder gerir melhor os nossos recursos”, disse. 

Em um trabalho conjunto, a ABIMDE, o Comdefesa e o Ministério da Defesa, estão à frente do Observatório da Indústria de Defesa e Segurança, que está dando frutos na Bahia, no Paraná e em Brasília, com a adesão de outros estados. A intenção é gerar inteligência comercial e análise de cenários para que as empresas conheçam as tecnologias emergentes em cada área. “Em 2024 teremos grandes surpresas”, destacou.

Reforma Tributária

Dando prosseguimento a reunião plenária, o diretor-executivo da ABIMDE, coronel Armando Lemos, deu destaque as atualizações da associação. O primeiro item abordado foi reforma tributária, seus desdobramentos e o item que foi mantido da proposta inicial. Foi o Art. 149 – B, parágrafo 5º, que trata das importações efetuadas pela administração pública direta, por autarquias e por fundações públicas, disposto no art. 150, VI, “a”, será implementado na forma dos parágrafos 2º e 3º, assegurada a igualdade de tratamento em relação às aquisições internas.

“Este artigo trata de uma questão fundamental para a indústria que é a isonomia de tratamento entre o nacional e o importado, que atende, em parte, aos nossos anseios. É algo que gostaríamos de ratificar pela importância de sua aprovação”, esclareceu o coronel Lemos, ao convidar o presidente-executivo da ABIMDE para falar sobre o tema.

O general Mattioli esclareceu que a ABIMDE fez um processo muito articulado, com alinhamento de várias associações, entre elas, a Associação das Indústrias Aeroespaciais do Brasil (AIAB), a Abimaq, a Associação Brasileira da Indústria de Dispositivos Médicos (ABIMO), a Associação Brasileira de Porfiria (ABRAPO), a CESPRO Processamento de Dados, a Associação Brasileira de Proteção ao Indivíduo (ABRAPI), entre outras.
 

Campanha #Somos ABIMDE

 

Código QR

Descrição gerada automaticamente

 

Em parceria com a Rossi Comunicação, a ABIMDE fará uma campanha para impulsionar a Base Industrial de Defesa e Segurança e divulgar capacidades, áreas de atuação, produtos e serviços das associadas.

A campanha intitulada #SOMOS ABIMDE será veiculada no site e nas redes sociais. “É a uma nova iniciativa que tem o objetivo de divulgar as empresas associadas, mostrar o que fazem, o que produzem e o que oferecem. Esta forma de divulgação será adotada para permitir que as empresas apareçam junto a toda divulgação veiculada sobre a ABIMDE e suas ações”, esclareceu o coronel Lemos.

Projetos de Sonorização e Projeção 

O próximo tema destacado foi o Projeto de Sonorização e Projeção da Escola Preparatória de Cadetes do Exército – EsPCEx, tradicional estabelecimento de ensino militar de Campinas. A escola vem buscando aprimorar suas áreas de maior visibilidade e utilização para reforçar a sua posição de destaque. 

A EsPCEx preparou um plano com para sensibilizar as instituições paulistas para obtenção de apoios que viabilizem as propostas que contemplam quatro projetos para recuperar e incrementar a capacidade de projeção, sonorização e vídeo conferências mais utilizados na instituição.

“As empresas que desejarem apoiar este projeto serão patrocinadoras, e sua instituição estará em evidência junto a todos os círculos de relacionamento que a Escola Preparatória de Cadetes possui não só em Campinas, mas a nível nacional”, esclareceu o coronel Lemos

Eventos nacionais e internacionais

Recentemente, a ABIMDE participou de eventos pelo Brasil, entre eles, o II Encontro Rede Nordeste de Estudos Estratégicos e Inovação, o 1º Fórum de Logística Aeroespacial e Sustentabilidade, e o I Seminário: Gestão de Ciclo de Vida de Sistemas de Defesa, que foi realizado nos dias 21 e 22, na Escola Superior de Guerra, no Rio de Janeiro.

Outro evento anunciado, com a participação da ABIMDE, foi o Seminário de Conformidade de Produtos de Controle do Espaço Aéreo, que será realizado no próximo dia 28 de novembro. O evento é promovido pelo Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA), e será realizado no campus do Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA), em São José dos Campos (SP).

E, também, o Seminário de Projetos Estratégicos da Marinha do Brasil, que acontece no dia 30 de novembro, no auditório do Museu Naval, no Rio de Janeiro, no centro da capital fluminense. A ABIMDE fará uma apresentação sobre a Base Industrial de Defesa e os projetos estratégicos que estão sendo desenvolvidos pela Marinha do Brasil.

Coronel Lemos informou que a ABIMDE também vai participar de eventos internacionais. O primeiro é o Egypt Defense Expo, exposição internacional de defesa realizada a cada dois anos no Cairo, Egito, que acontece de 04 a 07 de dezembro. E o outro é o Expodefensa 2023, no Centro Internacional de Negócios e Exposições de Bogotá, na Colômbia, de 05 a 07 de dezembro. 

Novas Associadas

Gilat do Brasil – Capital Majoritariamente Estrangeiro

Ícone

Descrição gerada automaticamente com confiança média

A empresa é especializada em criar e fornecer soluções tecnológicas para conectividade via satélite, terrestre e em novos espaços. Seu portfólio é composto por três categorias principais: uma plataforma baseada em nuvem e terminais de satélite de alto desempenho projetados para funcionar em harmonia com constelações de satélites; antenas de satélite em movimento (SOTM) de alto desempenho; e amplificadores de potência de estado sólido (SSPA) e conversores ascendentes de bloco (BUC) altamente eficientes e de alta potência.


Gehr International – Capital Majoritariamente Estrangeiro

A Gehr International atua no setor de defesa e segurança, com vários projetos, alguns ligados ao Exército Brasileiro e as demais forças. Outras atribuições incluem marketing, venda, instalação e apoio logístico pós-venda de equipamentos e sistemas de alta tecnologia nos segmentos marítimo comercial offshore, meio ambiente, militar, segurança pública, aviação comercial, portos, aeroportos e comunicações no mercado brasileiro.

 

ADEMID Administradora de Empreendimentos da Indústria de Defesa Ltda – Capital Majoritariamente Nacional

Desenho de um círculo

Descrição gerada automaticamente com confiança média

A empresa atua no comércio atacadista de instrumentos e materiais para uso médico, cirúrgico, hospitalar e de laboratórios; comércio atacadista de máquinas, aparelhos e equipamentos para uso odonto-médico-hospitalar, partes e peças; comércio varejista de armas e munições; gestão e administração da propriedade imobiliária; atividades de consultoria em gestão empresarial; atividades de intermediação e agenciamento de serviços e negócios em geral; serviços combinados de escritório e apoio administrativo.

 

Vidrobens Indústria e Comércio Ltda – Capital Majoritariamente Nacional

Logotipo

Descrição gerada automaticamente

A Vidrobens atua no mercado de vidros, espelhos e vitrais, com soluções completas nas áreas de construção civil, arquitetura, indústria moveleira, decoração, segurança, entre outras. Possui 26 anos de mercado, o que lhe confere tradição e reconhecimento no mercado de vidros. Além da fabricação de artigos de vidro, fornece blindagem balística. O responsável da empresa, Fred Fernandes, esteve presencialmente na plenária e recebeu o pin da associação das mãos do presidente-executivo, general Mattioli (foto abaixo).

 

A3 Engenharia – Capital Majoritariamente Nacional

logo-A3-engenharia-130

A empresa A3 Engenharia atua nas áreas de: locação de equipamentos, drenagem, terraplenagem, saneamento, aterro sanitário, infraestrutura, sinalização viária, coleta de lixo domiciliar, pavimentação, loteamentos. Sua sede administrativa está localizada em Jundiaí, interior de São Paulo, mas a empresa está preparada para trabalhar em qualquer região do estado ou do País. O representante da A3, Flavio Henrique Cunha Lobato, também foi agraciado com o pin da ABIMDE (foto abaixo).

 

Edge of Space (EOS) – Capital Majoritariamente Nacional

Logo

A empresa nasceu com objetivo de ser uma empresa de tecnologia focada no mercado aeroespacial e tecnologias críticas relacionadas. Em 2015, a equipe técnica se especializou na fabricação de componentes críticos aeroespacial, principalmente em processos de brasagem de média e elevada resistência. Trabalhando com ligas exóticas e juntas brasadas entre materiais dissimilares, consolidou sua posição como a principal fornecedora desta classe de serviço no Brasil.

 

Columbus International – Capital Majoritariamente Nacional

Uma imagem contendo Interface gráfica do usuário

Descrição gerada automaticamente

A Columbus é uma empresa brasileira, iniciada em 1993, por ex-funcionários da área técnico industrial da Engesa - Engenheiros Especializados S.A. Foi fundada com o objetivo de manter, modernizar, desenvolver novos projetos e tecnologias empregadas em viaturas militares produzidas no Brasil e exportadas para 20 países.

Por fim, foi realizado o lançamento oficial da oitava edição da Mostra BID Brasil, que será realizada de 03 a 05 de dezembro de 2024, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília (DF), apresentando as mais recentes inovações tecnológicas em produtos e sistemas para uso das forças armadas e de segurança.  Para conhecer todo os detalhes da Mostra clique aqui.

Back

Member Service

(11) 3170-1860

São Paulo - SP

Avenida Paulista, Nº 575 | 12º andar, Conjunto 1201 a 1208 - Bela Vista - Zipcode: 01311-911

All rights reserved to ABIMDE2024

We use cookies to ensure that you have the best experience on our site. If you continue to use this site, we will assume that you agree to our privacy policy.